Limpeza com sabonete facial: dermatologista explica se acessórios como escova elétrica ou esponja konjac Limpeza com sabonete facial: dermatologista explica se acessórios como escova elétrica ou esponja konjac

Limpeza com sabonete facial: dermatologista explica se acessórios, como escova elétrica ou esponja konjac, realmente fazem a diferença na hora de lavar o rosto

Se você é adepta ao universo de skincare, já deve saber que a limpeza com sabonete facial é uma das etapas mais importantes da rotina de cuidados com a pele. Além de remover as impurezas do rosto, ela é responsável por controlar a oleosidade da pele e prevenir o surgimento de cravos e espinhas.

Pensando em garantir uma limpeza da pele mais profunda, é comum que a maioria das pessoas busquem por aparelhos faciais eletrônicos, como a escova elétrica e a esponja konjac. Mas será que esses acessórios realmente fazem diferença na hora de lavar o rosto? Para esclarecer essa e outras dúvidas, nós conversamos com a dermatologista Annelise Marmore que explicou os benefícios desses produtos e como usá-los na sua rotina. Dá uma olhada!

 

Entenda a função da limpeza com sabonete facial para a saúde da pele

Embora a limpeza da pele seja uma das etapas mais importantes da rotina de skincare, é comum que surjam dúvidas sobre a verdadeira função desse cuidado. De acordo com a dermatologista Annelise Marmore, a limpeza com sabonete facial pode prevenir uma série de incômodos. “O sabonete facial é um produto essencial na limpeza da pele, principalmente quando se trata de pele oleosa. Isso porque ele ajuda na remoção do excesso de sebo e das impurezas que são produzidos ao longo do dia, como poluição e resto de maquiagem, que acumulando no rosto longo do dia”, afirma.

No entanto, é importante ter em mente que a escolha do sabonete facial deve ser feita de acordo com as características da sua pele. No caso da oleosas e mistas, por exemplo, o gel de limpeza enriquecido com vitamina C  pode ser o match perfeito, já que o ativo controla o excesso de brilho e clareia as manchas da pele causadas por cravos e espinhas.

O uso de escovas faciais elétricas e outros acessórios pode fazer diferença na limpeza da pele 

Disponível em diversos formatos, materiais e marcas, os acessórios faciais, como a escova elétrica e a esponja konjac, são a verdadeira tendência do momento. Por isso, a dermatologista adianta: o uso desses itens para higienização da pele funciona como um complemento na rotina de skincare, mas deve ser feita com moderação. “Para quem possui a pele sensível, por exemplo, a ação abrasiva desses acessórios pode desencadear mais sensibilidade. Por outro lado, eles podem ser grandes aliados para os donos de pele oleosa, já que removem as impurezas mais profundas da região”, revela.

Além disso, é importante estar atento ao período de durabilidade desses itens para garantir um bom resultado e evitar danos à pele. “As esponjas konjac, por exemplo, devem ser trocadas com frequência, já que a sua utilização por longos períodos pode levar ao crescimento de fungos ou acúmulo de microorganismos na superfície, o que pode ser prejudicial para pele”, afirma a profissional.


Saiba como incluir os aparelhos eletrônicos faciais na sua rotina de cuidados com a pele 

Depois de descobrir todos os benefícios desses acessórios, você deve estar se perguntando como incluí-los na sua rotina de skincare, certo? Para isso, o primeiro passo é considerar as características da sua pele, já que esse fator é determinante para a frequência do uso da escova elétrica ou esponja konjac. “O ideal é que essas ferramentas sejam usadas apenas por pessoas que possuem o rosto mais áspero e com tendência a oleosidade. Nesse caso, o intervalo deve ser de duas a três vezes na semana. Caso contrário, o uso diário pode retirar em excesso a produção de sebo da pele, o que desencadeia o efeito rebote”, finaliza Annelise. 

 

dra annelise

CRM: RJ: 52-101881-7 |  SP: 181232

Drª Annelise Marmore: Médica Pós Graduada em Dermatologia Clínica e Estética Avançada

 

 

Foto: Shutterstock