Manchas na pele negra são mais difíceis de tratar? Descubra o melhor tratamento e como prevenir as marcas

Não é novidade para ninguém que as manchas na pele são um dos problemas mais enfrentados pelas mulheres, especialmente as que possuem tendência à formação de espinhas e cravos na pele. No entanto, quando se trata de pele negra, o incômodo pode ser ainda maior. Isso porque essas pequenas marcas no rosto costumam surgir com mais facilidade devido à alta quantidade de melanina presente na região.

Mas será que as manchas na pele negra são mais difíceis de clarear? Pensando em esclarecer essa e outras dúvidas, nós conversamos com a dermatologista Annelise Marmore  que revelou tudo o que você precisa saber na hora de cuidar da pele negra - desde o tratamento mais adequado para clarear as manchas às formas de prevenção desse problema. Veja só!


Entenda por que as manchas na pele negra são mais comuns

Quando se trata de manchas na pele, uma das dúvidas mais frequentes é se a pele negra mancha com mais facilidade do que as outras. De acordo com a dermatologista Annelise, a resposta para essa pergunta é sim. “A pele negra possui uma concentração maior de melanina - proteína que dá cor à região e combate a ação dos raios solares. Por isso, quando ocorre um processo inflamatório, como acne, foliculite e alergia, a pele tende a escurecer com mais facilidade”, explica. Ou seja: qualquer inflamação ou irritação que houver no rosto pode levar a uma hiperpigmentação da pele, causando as temidas manchas.

É verdade que as manchas na pele negra são mais difíceis de clarear?

Segundo a dermatologista, as manchas na pele negra podem exigir mais cuidados e tratamentos para serem removidas. “Essas marcas são mais difíceis de tratar. No entanto, isso não significa que seja impossível de clareá-las”, afirma. O motivo por trás dessas exigências é bem simples: a região apresenta uma quantidade maior de melanina e, consequentemente, mancha com mais facilidade. Sendo assim, é preciso atenção redobrada durante o tratamento, para não agredir a pele e piorar o quadro, estimulando o surgimento de novas manchas na pele. 


Como clarear manchas na pele negra: saiba os melhores ativos e tratamentos para lidar com esse problema

Se você possui a pele negra e busca se livrar das temidas manchas, não precisa se desesperar! O primeiro passo para tratar e amenizar esse incômodo é bem simples. “É importante começar com a utilização do protetor solar com, no mínimo, FPS 30, que é um passo fundamental para evitar que o sol aumente mais ainda a produção de melanina e piore as manchas na pele negra”, aconselha. Além disso, a dermatologista alerta sobre a necessidade de optar por ativos e produtos que ajudem a clarear as manchas na pele sem agredir a região. “Investir em cosméticos que contenham antioxidantes, como a vitamina C, é a escolha certa”. Acontece que, diferente de outros ingredientes naturais, esse ativo é capaz de inibir a formação de melanina, clareando as manchas e uniformizando o tom da pele. Para otimizar a sua rotina de cuidados com a pele, vale apostar em um hidratante facial com vitamina C  e FPS em sua composição.

Veja alguns cuidados para evitar as manchas na pele negra

Para controlar a alta produção de melanina na pele negra e prevenir a formação de manchas, a Dra. Annelise indica algumas medidas: “Nesses casos, o filtro solar é o passo mais importante, já que previne os danos das radiações solares. Se essa pele tem tendência a oleosidade ou acne, é importante cuidar com produtos específicos para evitar formação de lesões inflamatórias, que resultam nas lesões hiperpigmentadas”, orienta. Outro cuidado importante é a higienização da pele. “Limpar corretamente o rosto e fazer uso de um sabonete facial com vitamina C  e outros clareadores também pode ajudar”, finaliza. 

 

Foto: Getty Images

dra annelise

CRM RJ 52-101881-7/ CRM SP 181232

Drª Annelise Marmore: Médica Pós Graduada em Dermatologia Clínica e Estética Avançada